RSS

Decisões

14 set

De tempos em tempos nos é imposto uma escolha, no entanto, não se há muito o que escolher. Não se contetam apenas de nos forçar uma escolha, querem nos empurrar garganta a baixo qualquer coisa. Esse é o mês da independência, é de fato sou independente, livre para escolher, porém de que vale, se não tenho oportunidades para exercer minha livre escolha, livre julgamento, já que tenho que escolher entre o sujo e o mal lavado.
Sempre na mesma hora ligo a tv e assisto aos 30mim mais divertidos do meu dia, e no mesmo instante me dou conta de que minha diversão é também meu martírio. Uma vez que, em pouquíssimo tempo terei que exercer meus deveres e direitos de cidadã, e escolher um representante.
A questão é: quem ou por que escolher?
E quão triste se tornou o ato da liberdade!
Escolher!
Será que devo?
O que escolher?
Será que não há outra alternativa?
Devo honrar o meu direito e dever, mas quem irá honrá-los?

Quil, 14/09/2008

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 14 de setembro de 2008 em Leitores

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: